Home Músicas de "Harpa Cristã"
Sobre Harpa Cristã


Harpa Cristã se caracteriza hinário oficial de Assembléias de Deus no Brasil, com lançamento no ano de 1922. São 640 hinos, e a mesma teve organização em especial com foco de enlevar cântico congregracional, sem contar oferecer louvor para Deus nas muitas liturgias de igreja: santa ceia, culto público, casamento, batismo, apresentação da criança, mais.
Considerando necessidades da igreja, CPAD, Conselho Administrativo da Casa Publicadora das Assembléias de Deus, sob direção executiva do Ronaldo Rodrigues de Souza, entendeu haver urgência de ampliar a Harpa Cristã tradicional. E, deste modo, ocorreu acréscimo de mais de 116 hinos com foco em atendimento das exigências todas litúrgicas e cerimoniais da igreja. O lançamento da Harpa Cristã Ampliada aconteceu no ano de 1999.

Fala, Jesus querido; fala-me, hoje sim! Fala com Tua bondade; fica ao pé de mim; Meu coração aberto ‘stá p’ra Tua voz ouvir; Enche-me de louvores e gozo p’ra Te servir. Fala-me suavemente! Fala, com muito amor! Vencedor para sempre, livre te hei de por, Fala-me cada dia, sempre em terno tom; Ouvir Tua voz […]
Achei um bom amigo Jesus, o Salvador O escolhido dos milhares para mim Dos vales é o lírio; é o forte Mediador Que me purifica e guarda para Si Consolador amado, meu protetor do mal Solicitude minha toma a Si Dos vales é o lírio, a estrela da manhã O escolhido dos milhares para mim […]
Os guerreiros se preparam para a grande luta E Jesus, o Capitão, que avante os levará. A mílicia dos remidos marcha impoluta; Certa que vitória alcançará! Eu quero estar com Cristo, Onde a luta se travar, No lance imprevisto Na frente m’encontrar. Até que O possa ver na glória, Se alegrando da vitória, Onde Deus […]
Firme nas promessas do meu Salvador, Cantarei louvores ao meu Criador; Fico na dispensação do Seu amor, Firme nas promessas de Jesus. Firme, firme, Firme nas promessas de Jesus, o Cristo; Firme, firme, Sim, firme nas promessas de Jesus. Firme nas promessas, hei de não falhar, Quando as tempestades, vêm me assolar; Pelo verbo vivo, […]
Deus prometeu com certeza Chuvas de graça mandar; Ele nos dá fortaleza, E ricas bênçãos sem par Chuvas de graça, Chuvas pedimos, Senhor; Manda-nos chuvas constantes, Chuvas do Consolador. Cristo nos tem concedido O santo Consolador, De plena paz nos enchido, Para o reinado do amor. Dá-nos, Senhor, amplamente, Teu grande gozo e poder; Fonte […]
Minha vida seja sim, Consagrada a Ti, Senhor; Possas sempre Tu por mim, Operar o Teu amor. A minh’alma lava Salvador No Teu sangue puro, carmezim; Minha vida toma para ser, Senhor, Tua para sempre, sim. Que meus pés somente vão Onde os santos possam ir; Numa eternal canção, Minha voz se faça ouvir. Seja […]
Plena paz e santo gozo Tenho em ti, ó meu Jesus! Pois eu cri em Tua morte sobre a cruz No Senhor só confiando Neste mundo viverei Entoando aleluias ao meu Rei! Oh! Glória ao meu Jesus! Pois é digno de louvor É meu Rei, meu bom Pastor E meu Senhor Como os anjos, que […]
Já refulge a glória eterna De Jesus, o Rei dos reis! Breve os reinos deste mundo Seguirão as suas leis! Os sinais da sua vinda Mais se mostram cada vez Vencendo vem Jesus! Glória! Glória! Aleluia! Glória! Glória! Aleluia! Glória! Glória! Aleluia! Vencendo vem Jesus! O clarim que chama os crentes A batalha já soou […]
Deus enviou seu Filho amado Pra me salvar, e perdoar Na cruz morreu por meu pecado Mas ressurgiu e vivo com o Pai está Porque Ele vive, posso crer no amanhã Porque Ele vive, temor não há Mas eu bem sei, eu sei, que a minha vida Está nas mãos de meu Jesus, que vivo […]
Rude cruz se erigiu, Dela o dia fugiu, Como emblema de vergonha e dor; Mas contemplo esta cruz. Porque nela Jesus Deu a vida por mim, pecador. Sim, eu amo a mensagem da cruz Té morrer eu a vou proclamar; Levarei eu também minha cruz Té por uma coroa trocar. Desde a glória dos céus, […]
Cristo já nos preparou Um manjar que nos comprou, E, agora, nos convida a cear: Com celestial maná Que de graça Deus te dá, Vem, faminto, tua alma saciar. ”Vem cear”, o Mestre chama -”vem cear”. Mesmo hoje tu te podes saciar; Poucos pães multiplicou, Água em vinho transformou, Vem, faminto, a Jesus, ”Vem cear”. […]